EspanhaEuropaFrançaMundoSantiago de Compostela

Saint Jean Pied Port: como chegar

Você decidiu fazer o Caminho de Santiago de Compostela e optou pelo caminho francês desde o seu início. Parabéns! E como faz para chegar em Saint Jean Pied Port, a cidade francesa que marca o começo desse trajeto? Calma, não é nenhum bicho de sete cabeças e a gente explica aqui passo a passo.

A primeira coisa que você precisa saber é que Sain Jean Pied Port (SJPP, para os íntimos) é uma cidade pequena praticamente na fronteira da França com a Espanha e não tem aeroporto. Vai ser preciso algumas trocas de transporte e um pouco de tempo para chegar.

Leia também: Caminho de Santiago – A preparação

O primeiro passo é chegar na Espanha ou na França e as melhores opções seriam voar para Madrid, Barcelona ou Paris. Vale lembrar que se for comprar ida e volta pelo mesmo destino, a cidade mais próxima de Santiago de Compostela, para o retorno, é Madrid (mas nada impede de voltar pelas outras cidades). Veja qual a melhor opção para você, tanto em valores quanto em tempo.

Quem sai de Madrid ou Barcelona vai para Pamplona e depois para SJPP. Quem está em Paris segue para Bayonne e em seguida até SJPP.

Resumindo, as opções são:

  • Madrid – Pamplona – SJPP
  • Barcelona – Pamplona – SJPP
  • Paris – Bayonne – SJPP

Independente da opção escolhida, não esqueça que a saída de vôos internacionais passa pelas filas da imigração e alfândega e isso leva algum tempo, considere o deslocamento entre aeroporto e/ou estação de trem e/ou rodoviária e que há a possibilidade do seu avião atrasar, de ter trânsito ou de você se perder durante esse percurso. Não deixe horários muito apertados para evitar estresse desnecessário ou pior, perder um transporte que já estava planejado. Provavelmente você terá que dormir em uma das cidades no caminho.

 

De Madrid para Pamplona

Quem opera o trem entre Madrid e Pamplona é Renfe. A estação inicial é Madrid – Puerta de Atocha e o destino é Pamplona/Iruña. A viagem dura 3 ou 4h, dependendo do trem escolhido, e há boas opções de horários entre 7h30 e 19h35 (não tem trem noturno). Veja o site para consultar horários e valores. É possível e recomendado fazer a compra online (além de garantir lugar no trem, online costuma ser mais barato).

Do aeroporto ou de qualquer outro lugar da cidade pegue o metrô e desça em Atocha Renfe, na linha 1 – azul clara. Essa é a parada para a estação de trem. A linha do aeroporto de Barajas é a 8 – rosa. Veja o mapa abaixo e clique para abrir o pdf.

Caso não consiga conciliar o horário de chegada do vôo com o trem, a cidade é uma boa escolha para passar a noite e descansar depois de longas horas voando. Dormir em Pamplona também é uma boa opção.

Ainda é possível voar de Madrid para Pamplona em vôos diretos da cia aérea Iberia.

Está gostando desse artigo? Que tal curtir o Bagagem de Memórias no Facebook?


Madrid_mapa metro
Mapa do metrô de Madrid (clique para ampliar)

 

De Barcelona para Pamplona

Renfe também opera o trajeto entre Barcelona e Pamplona. O trem parte da estação Barcelona – Sants e vai para Pamplona/Iruña, são cerca de 4h de viagem e não há trens noturnos. Confira valores e horários no site da cia. É possível comprar a passagem online.

O aeroporto de Barcelona fica na linha L9 – laranja do metrô e a estação Barcelona – Sants, na intersecção da linha L3 – verde com a L5 – azul.

Não há vôos diretos de Barcelona para Pamplona, porém é possível fazer conexão em Madrid.

 

De Pamplona para SJPP

Esse trecho é apenas pela estrada. A opção mais barata é pegar um ônibus operado pela ALSA. São quatro horários diários (10h, 12h, 14h30 e 17h30) e a viagem é de 1h45. É possível comprar a passagem pelo site ou na própria rodoviária.

Da estação de trem até a rodoviária são 2km, cerca de 30 minutos a pé. É possível ir de ônibus ou taxi, mas você já pode começar a fazer uma caminhada de aquecimento em terras espanholas.

Para quem chega na cidade voando, a opção é pegar um transfer ou um taxi para o centro. São 6km de distância e não há transporte público no aeroporto.

Outra forma de ir até SJPP é juntar um grupo de 4 peregrinos e dividir um taxi. Fica mais caro que ir de ônibus, mas a flexibilidade de horários é muito maior (você escolhe quando quer partir) e a viagem é mais rápida (além de ter mais velocidade, o carro não para nas cidades no meio do caminho, como o ônibus faz).

 

De Paris para Bayonne

No lado francês, a cia de trens é a SNFC. A viagem leva cerca de 5h e parte de Paris Montparnasse com diversas opções de horário. Há ainda a opção do trem noturno que sai de Paris Austrerlitz. As passagens podem ser adquiridas online. Vale dizer que os trens franceses são consideravelmente mais caros que os espanhóis, então se você quer uma viagem econômica, não se empolgue com a promoção da passagem para Paris e coloque tudo no papel antes de sair comprando.

A estação Gare Montparnasse fica na intersecção das linhas 4, 6, 12, 13 e N. Já a Gare d’Austerlitz nas linhas 5, 10 e C.

Se quiser voar, o aeroporto mais próximo de Bayonne fica em Biarritz. Air France, Easy Jet e Hop! operam vôos diretos. Depois é preciso pegar um ônibus de cerca de 30 minutos.

Paris_mapa metro
Mapa do metrô de Paris (clique para ampliar).

 

De Bayonne para SJPP

O trem que faz esse trajeto é operado pela TER, a cia regional francesa. São 4 horários diários e a viagem leva aproximadamente 1 hora. Não é possível comprar a passagem online, apenas direto na estação de Bayonne. Para consultar horários e valores, faça a pesquisa no site da TER em francês (a busca em outros idiomas não traz resultados).

Ainda há a opção de juntar um grupo de 4 peregrinos e dividir a corrida de taxi até SJPP.

 

Buen Camino!

 

Leia mais:

10 dicas para passagem aérea barata

Caminho de Santiago – Reflexões

Caminho de Santiago – A partida

A primeira viagem internacional

Seguro viagem, pra que?

The Author

Patricia

Patricia

Patricia é educadora de formação, marketeira de profissão e viajante por paixão. Amante da natureza, de aventuras, da cultura asiática e de causas sociais, reside em São Paulo, mas já morou no Japão, na Austrália e no Chile, já deu uma volta ao mundo e está sempre em busca de boas recordações para adicioná-las à sua bagagem de memórias.

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *