Bay of IslandNova ZelandiaOceania

Rangitoto Island & Bay of Island

Auckland localiza-se em uma região vulcânica. São uns 48 vulcões ao redor da cidade. Fui visitar um deles, um baby geologicamente falando, de uns 600 anos porém, já extinto. Rangitoto Island é uma ilha a meia hora de Auckland, formada por lava vulcânica. As vistas de lá são bonitas, mas como o tempo estava meio nublado não consegui ver tudo o que eu deveria ver. Depois fui no VIctoria Markets ver um monte de bugiganga. 
Rangitoto Island & Bay of Island
Rangitoto Island & Bay of Island
Rangitoto Island & Bay of Island Hoje fui pra Bay of Islands, ao norte da ilha norte. Um conjunto de umas 150 ilhas, lugar muito bonito! Fui aprender um pouco da parte histórica da NZ e dos Maoris. O Pedro Álvares Cabral da NZ é um inglês chamado James Cook (o mesmo vale para Austrália), mas os primeiros europeus que chegaram aqui foram os holandeses, daí o nome do país, pois algum lugar na Holanda se chama Zealand. Os ingleses chegaram e acabaram com as kauri (árvores tipicas), mandando tudo (97%) para Europa e outros lugares. Essa história me parece familiar, mas eu conhecia as árvores como pau brasil. E as semelhanças não param por ai. O povo nativo também foi catequizado, e houveram alguns tratados. Bom, mas acho que isso teve em todos os países que foram colonizados, não?
Rangitoto Island & Bay of Island
Rangitoto Island & Bay of Island

Cultura Maori:
Rangitoto Island & Bay of Island
Um passeio de barco para ver as ilhas e uma formação com um buraco grande no meio, em forma de arco. O barco passou por lá. Vi muitos golfinhos também!

Rangitoto Island & Bay of Island
O guia de hoje morou 9 anos no Rio. Ele disse que falava português, mas na verdade falava um portunhol bem meia boca, ainda assim possível de entender. É difícil encontrar pessoas que falam português aqui (mas encontrei 5 brasileiros no barco hoje). Ainda falando dos guias, tinha uma japonesa que não entendia direito as instruções, então alguém precisava traduzir para o japonês. Adivinha quem foi? A instrutora, uma kiwi falando japonês pra mim é novidade! E ela falava português também, não muito mas já é alguma coisa, né?  Principalmente palavrões (porque as primeiras coisas que se aprende em outra lingua são sempre essas?).
Mais curiosidades culturais. Conheci uma russa aqui, e ela disse que na Russia as novelas brasileiras são bem populares! Ela disse que antes de viajar estava assistindo “O Clone”. E acabando uma, já começa outra! As inglesas comem torrada com macarrão! Cada um com o seu gosto. Outro dia a janta foi macarrão com frango e damasco. Macarrão doce, mas até que estava bom (quem cozinhou foi uma kiwi).

The Author

Patricia

Patricia

Patricia é educadora de formação, marketeira de profissão e viajante por paixão. Amante da natureza, de aventuras, da cultura asiática e de causas sociais, reside em São Paulo, mas já morou no Japão, na Austrália e no Chile, já deu uma volta ao mundo e está sempre em busca de boas recordações para adicioná-las à sua bagagem de memórias.

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *