América do NorteEstados UnidosMemórias da ViagemOrlando

Memórias da Viagem: Orlando (por Cecilia, Cinthia, Satie e Tieko)

No Memórias da Viagem de hoje Cecilia, Cinthia, Satie e Tieko nos contam sobre a realização de um sonho de infância: a viagem para o mundo encantado da Disney (além de aproveitar a visita aos EUA para fazer umas comprinhas). Veja aqui como foi o planejamento delas e as super dicas que nos dão depois de passar 16 dias por lá.

Veja também os outros posts da série Memórias da Viagem, feitos por convidados. Quer participar? Entre em contato conosco.

. 
. 
. 

  • Memórias da viagem para… 

Orlando – Florida. Passamos 16 dias de muitas compras, calor, parques, emoções e muita magia Disney! Visitamos 4 parques da Disney, 2 do complexo Universal,  2 do complexo Sea World, 3 outlets e 2 shoppings.

.

  •  Roteiro na bagagem

Dias 1 e 2 (primeiro fim de semana) – compras:  Passeamos pelo Premium Outlet da Vineland Avenue e pelo Florida Mall, pois queríamos evitar as multidões nos parques. Decidimos deixar os dias da semana para os parques e os fins de semana para as compras.

Dia 3 – Magic Kingdom:  É onde a magia começa! Escolhemos o Magic Kingdom para ser o primeiro parque e foi uma ótima escolha, pois é o mais cansativo (há shows de fogos e parada noturna mais tarde) e estávamos com bastante energia no início da viagem. Esse é o parque que sempre estará cheio, independentemente do dia e do horário que você for. Se puder, faça a visita ao parque em dois dias – um para aproveitar as atrações e os brinquedos e um para ver os fogos – vale muito a pena!

Dia 4 – Island of Adventure:  É o parque mais novo e o que possui as atrações do Harry Potter, ou seja, há muita procura (por isso escolhemos ir durante a semana). Ótimo parque para pessoas de todas as idades.

Dia 5 – Universal:  Também possui um show noturno que termina tarde. É recomendável escolher um passeio mais sossegado para o dia seguinte. E, diferente do Magic Kingdom, é um show bacana mas que não vale a pena voltar só para assisti-lo. Há diversas atrações em 3D, muito reais e divertidas, além de montanhas-russas para os amantes da adrenalina.

Dia 6 – Downtown Disney:  Estávamos tão cansadas que optamos por descansar na parte da manhã e visitar a Downtown Disney à tarde. É a concentração de lojas da Disney e, caso tenha oportunidade de visitar, deixe para realizar as compras lá. Além de produtos da Disney, tem a loja da Lego e alguns restaurantes, inclusive foi onde conhecemos a Planet Hollywood.

20130829_191121

Dia 7 –  Hollywood Studios:  É um parque repleto de atrações em formato de teatro, por isso é mais tranquilo e cansa menos (mas há também atrações cheias de adrenalina). Há um show noturno lindo chamado “Fantasmic”. Obrigatório!

Está gostando desse artigo? Que tal curtir o Bagagem de Memórias no Facebook?


Dias 8, 9 e 10 (final de semana e feriado) – compras e descanso:  Visitamos o Premium Outlet da International Drive e o Mall at Millenia. Por causa do feriado (muitas promoções), todos os lugares estavam lotados. Pegamos trânsito e foi bem difícil estacionar o carro. Reservamos um dia para descansarmos de verdade e só saímos do hotel para comer.

Dia 11 – Busch Gardens:  Esse parque fica em Tampa, mais ou menos 1h30 de Orlando. Por ser em outra cidade, resolvemos visitá-lo após o final de semana de descanso. Há um ônibus gratuito que parte do Sea World e a reserva é feita  online (há diversos pontos de partida e o site localiza o mais próximo de você). Caso haja assentos disponíveis é possível embarcar sem a reserva. Nós fizemos para o dia errado, mas conseguimos pegar o ônibus mesmo assim (muita sorte)! Os amantes de montanhas-russas vão delirar. Há muitos animais silvestres para ver e tirar fotos!

Dia 12 – Sea World:  As atrações com os animais são imperdíveis! Como é um parque com foco nos espetáculos é bem menos cansativo.

Dia 13 – Animal Kingdom:  É um parque mais tranquilo, com menor quantidade de brinquedos e com um grande foco nos animais também. É uma ótima opção para o final da viagem, pois há diversos shows e apresentações sossegadas.

Dia 14 – Epcot e Medieval Times:  O Epcot tem poucos brinquedos por possuir o pavilhão dos países, que são réplicas de construções de diversas nacionalidades muito bem feitas. Andamos bastante também, mas é mais tranquilo em comparação com os outros parques e é possível encontrar diversos personagens para tirar fotos juntos. Jantamos no Medieval Times – jantar com espetáculo representando um banquete na Era Medieval. É literalmente um banquete –  muita comida. E o espetáculo é muito divertido, com cavaleiros, reis e princesas.

Dias 15 e 16 (último final de semana) – Compras e Despedida =( :  Visitamos o shopping The Mall at Millenia (o mais chique que fomos da cidade), onde encontramos lojas normais (não outlets), com preços normais e o M&M World. Jantamos no Cheesecake Factory, muito conhecido por seus deliciosos cheesecakes.

.

  •  Compartilhando memórias

A viagem foi em quatro amigas, mas praticamente uma família. É importante escolher com quem você vai viajar, pois é muita convivência e são muitas decisões a serem tomadas em grupo.

IMG_0053

.

  •  Transporte da bagagem

Chegamos em um vôo direto, de Guarulhos para Orlando, e alugamos uma minivan (reserva feita com antecedência). No aeroporto há diversas locadoras de veículos que sempre oferecem “n” serviços, diferentes assistências 24 horas e seguros adicionais.  No primeiro instante você fica insegura, mas depois percebe que é bem tranquilo dirigir pela cidade. Há ônibus, mas como a maioria dos turistas costuma ir em família ou amigos, é válido o aluguel de veículo. Dificilmente você encontra pedestres nas ruas.

.

  •  Por que Disney?

Cada uma tem um motivo para a viagem. Para algumas era a realização de um sonho de infância, para outras uma viagem inesperada com as amigas. Independente do motivo a Disney é um lugar encantador que diverte jovens de todas as idades, de 8 a 80 anos.

.

  • Principais memórias

Escolhemos os highlights de cada parque. São tantas boas lembranças que fica difícil selecionar no geral.

Magic Kingdom:  Os brinquedos que mais gostamos foram Space Mountain, Mickey’s PhilharMagic, Haunted Mansion e Splash Mountain. O Be Our Guest é  um restaurante no ambiente do castelo de A Bela e a Fera, é lindo e a Fera aparece para cumprimentar os convidados! Não podemos deixar de citar a Parada  Celebrate “A Dream Come True” e o Wishes, o show de fogos, que é imperdível! Chegue com (no mínimo) meia hora de antecedência para garantir bons lugares.

Hollywood Studios:  Recomendamos os brinquedos Rock ‘n roller Coaster e The Twilight Zone – Tower of Terror, além do Lights, motors, action!, um show de acrobacias e efeitos especiais envolvendo carros e motos, do Indiana Jones, apresentação de dublês de cenas do filme, e de Beauty and the Beast – live on stage, um mini musical da Bela e a Fera. Fantasmic! é o show com fogos, projeções, encenações. Muito imperdivel! Chegue com antecedência, mas o lugar é meio na sorte, temos que sentar onde eles nos indicam.

IMG_0269

.

Animal Kingdom:  It’s Tough to be a Bug, Expedition Everest e Dinosaur são os brinquedos que não podem ficar de fora. Também recomendamos o Festival of the Lion King, um musical com acrobacias e músicas do Rei Leão, o Kilimanjaro Safaris e o mini musical de Finding Nemo.

Epcot:  Vá no Soaring (sinta o cheiro), Test Track e Mission: Space (Força de 2.5G!). Há uma parte de países e em cada um há uma atração, verifique no site da Disney. Como não fizemos muita questão, só passeamos pelos países. 

Island of Adventure:  Os brinquedos que recomendamos são Dragon Challenge, Jurassic Park River Adventure, Dudley Do-Right’s Ripsaw Falls, The Amazing Adventures of Spider-Man e The Incredible Hulk Coaster. Harry Potter and the Forbidden Journey e todo o parque nessa temática são uma atração à parte: as lojas, os restaurantes, é tudo muito bem feito, quem é fã vai pirar!

Universal:  Despicable Me, Hollywood Rip Ride Rockit, Transformers e The Simpsons Ride são os brinquedos que gostamos mais. Não deixe de ir no Terminator 2 e de ver a Parada Universal’s Superstar. O Universal’s Cinematic Spectacular -100 Years of Movie Memories também é imperdível. 

Busch Gardens:  Aqui não tem uma recomendação. Vá em todas as montanhas russas, são ótimas! O Iceploration é um show de patinação muito bom. Em alguns lugares você pode interagir com os animais.

Sea World:  Recomendamos Manta e Antarctica: Empire of The Penguin. One Ocean e Blue Horizons, o show das baleias e dos golfinhos, respectivamente, são incríveis! Pets Ahoy, show com pets (gatinhos, cachorrinhos, tem até um porquinho) também é muito bom. E chegue com, no mínimo, meia hora de antecedência para garantir bons lugares.

.

  •  Memória do estômago 

Cerveja amanteigada do Harry Potter, jantar no Be Our Guest (requer reserva antecipada), Medieval Times e Planet Hollywood marcaram a comilança da viagem.

20130827_125605

.

  •  A memória que ficou na bagagem

Magic Kingdom, com certeza! É a Disney em um único parque. Tudo o que você assiste em cinemas e TV acontece lá. Além do momento mágico ao ver o castelo da Cinderella, que é quando você cai na real e pensa: “Mãe, tô na Disney!!”

.

  • Atenção com a bagagem!

Nas compras, uma dica legal e que não é estranho é levar uma mala com rodinhas para os lugares. É impossível comprar poucas coisas e é mais seguro. Assim não ficam olhando a quantidade e o produto que comprou. Fiquem atentos nos estacionamentos dos shoppings, outlets, Best Buy. Pode aparecer uma pessoa fingindo passar necessidade e pedir dinheiro a você. O alvo será sempre o turista.

.

  •  Dicas do viajante

Data:  As variáveis da escolha da data mudam de acordo com o seu objetivo de viagem. Nós, que focamos em parques, escolhemos uma data que calhasse com o verão mas que estivesse fora da temporada de férias escolares e feriados grandes, pois queriamos evitar a multidão. Uma dica legal é sempre pesquisar os feriados locais. Pegamos o Labor Day, que dá vários descontos durante a semana, e como nosso outro foco era as compras, tudo combinou perfeitamente.

Dicas de compras:  Fomos nos dois maiores outlets da rede Premium Outlets e foi suficiente para muitas compras legais. Se for fazer compras no final de semana vá cedo para pegar um lugar no estacionamento. Cadastre seu e-mail sem medo no site deles, para ter direito a cupons de desconto e a uma cartela extra de descontos. Tudo lá vale muito a pena, então é fácil se descontrolar. Uma dica é fazer com antecedência uma lista das compras do que tem prioridade pra você. Se não houver itens específicos, coloque cotas. Exemplo: roupas – cota de 500 dólares. Por mais que no final você não siga seu planejamento, ele vai te ajudar a ter controle sobre os seus gastos e evitar surpresas desagradáveis. É muito importante não se esquecer de que os impostos não estão inclusos no preço de etiqueta e são cobrados no final da compra, variando de 6,5% a 7%.

Walmart:  O Walmart de lá tem TUDO! Tem uma sessão da Disney com chaveiros, pelúcias e roupas mais baratas que nos parques e com a mesma qualidade. Além disso, compre água, capa de chuva etc. Ótimo local para compras!

Trânsito:  Como somos meio perdidas, o GPS foi essencial! Levamos um do Brasil, já com o mapa de Orlando (uma amiga nos emprestou). Cogitamos comprar um ao chegar, mas se não tivéssemos com ele teríamos nos perdido no caminho do aeroporto até o hotel. Circulamos a maior parte do tempo por rodovias e grandes avenidas, então a chance de nos perdermos e pararmos em outra cidade era significativa.

Parques da Disney:  São muito bem cuidados, lindos e feitos para deixar tudo mágico. Os brinquedos são mais infantis, mas fazem você virar uma criança novamente. Logo na entrada há a programação das atrações em diversos idiomas, mas também é possível verificar no site da Disney para que você consiga se planejar com antecedência.

Antes de ir, instale o My Disney Experience, um app gratuito para celular (tanto para android quanto para iphone) para verificar o tempo de espera de cada atração, restaurantes, valores etc, e utilize o wi-fi disponível em alguns pontos dos parques.

Caso não resista as lojas, os parques possuem um serviço onde você pode concentrar suas compras em um único local, que fica próximo a saída, facilitando seu passeio pelo parque. Basta solicitar no caixa.

Se a atração que você tanto quer ir está com uma fila enorme, opte pelo Fast Pass ou o Single Rider, assim você evita a fila enorme e consegue conhecer um pouco mais dos parques.

Em alguns brinquedos é obrigatório deixar as mochilas e bolsas em armários, o valor varia entre USD 0,50 e USD 4,00. Por isso, se você for em um grupo grande, uma dica é concentrar todos os pertences em menos mochilas possíveis. Nós fomos em 4 pessoas, usamos uma mochila e revezamos para carregá-la.

Os parques da rede Universal (Universal e Island of Adventure) e da rede Sea World (Sea World e Busch Gardens) não permitem entrada de alimentos, mas comercializam bebidas com direito a refil.

DSCN3345

.

Você vai querer tirar muitas fotos e filmar tudo! Mas por favor: não assista tudo através da lente da sua câmera! São momentos únicos e especiais, saiba apreciar de verdade os espetáculos e veja a magia acontecer. Só assim você aproveitará cada segundo!

.

  •  Entre em contato:

Foram muitos meses planejando, então temos muitas outras dicas para compartilhar. Para saber mais, deixe seu comentário abaixo que entraremos em contato ou envie um e-mail para sessilha@gmail.com

The Author

Patricia

Patricia

Patricia é educadora de formação, marketeira de profissão e viajante por paixão. Amante da natureza, de aventuras, da cultura asiática e de causas sociais, reside em São Paulo, mas já morou no Japão, na Austrália e no Chile, já deu uma volta ao mundo e está sempre em busca de boas recordações para adicioná-las à sua bagagem de memórias.

6 Comments

  1. 03/10/2013 at 21:18 — Responder

    mto completo o relato de vcs!! com relação aos pqs q nao permitem entrada de alimentos, eles controlam conteudo de mochilas?

    • Satie
      03/10/2013 at 23:45 — Responder

      Em todos os parques tem vistoria nas bolsas, mochilas, etc. Não houve nenhum caso, com a gente, de ter que tirar algo da mochila por não ser permitido a entrada.
      Outra coisa que lembrei: como compramos o ingresso no Brasil, possuía só o código de barras. Na Disney, você consegue trocar estes cartões de papelão (com código de barra) por cartão magnético. Isto facilita a entrada, pois é só encostar no leitor (sistema novo) e colocar seu dedo no leitor de digital (importante lembrar qual dedo você colocou nas primeira vez!!) e ser feliz!! =]

      • 04/10/2013 at 10:17 — Responder

        Obrigada pelo esclarecimento e pela visita Satie!

  2. Tieko
    04/10/2013 at 10:00 — Responder

    Essas vistorias são para evitar pessoas armadas ou com algum conteúdo suspeito.
    Eles prezam muito pela segurança e pelo bem-estar de seus visitantes! Em todas as atrações, por exemplo, há diversos avisos sobre o que se trata (se estará escuro, se haverá efeito 3D, se há muito impacto, se há muito barulho), para que não haja nenhum problema, principalmente com crianças e com pessoas com algum tipo de problema de saúde.

    • 04/10/2013 at 10:20 — Responder

      A Disney pensa mesmo em todos os detalhes, né? Sou fã deles!
      Obrigada pela participação meninas!

  3. Ceci
    18/10/2013 at 15:47 — Responder

    A Disney é toooda linda! Gostei muito dos outros parque tb, mas nada se compara a Disney no quesito esmero! Você consegue apreciar ate os brinquedos mais infantis, só pelo cuidado com os detalhes! E cada detalhe é milimetricamente calculado para que você mergulhe na magia e não saia mais de lá!
    Essa foi minha primeira visita, e mesmo “adulta” consegui aproveitar tudo!
    Com certeza voltarei! 🙂

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *