AustráliaOceaniaSydney

Jantar koreano

Entraram mais 2 alunas na minha sala: uma japa e uma koreana. Minha sala só tem mulher, 7 mulheres e apenas 1 homem, que por acaso, é um brasileiro.
Essa semana voltei pra casa, e quando eu abri a porta tive uma surpresa. 2 visitas em casa totalmente inesperadas, que entraram sem serem convidadas! 2 pombas no meu quarto! As janelas estavam abertas, então acho que elas sentiram liberdade de ir entrando na minha casa. Sai chutando elas mas não consegui acertar. Elas saíram voando pra cozinha e derrubaram tudo que estava em cima da pia. Aprendi a lição do dia: sempre feche as janelas antes sair de casa! Pensei que minha mãe dissesse isso porque podia chover, mas agora descobri que tem outros motivos.
 
Ontem sai da aula e fui dar uma volta, fazia tempo que eu não andava. Sai andando sem rumo, e teve uma hora que eu não sabia mais onde eu estava. Acho que andei umas 3 horas e voltei pra casa super cansada! Fui tomar banho antes de dormir, quando minha amiga diz: meu amigo acabou de chegar da Korea, e está aqui em Sydney. Eu vou encontrar ele e vamos jantar. Vamos?” Desde quando eu recuso um convite pra comer? Tive que ir!

Encontramos ele e mais 2 amigos às 10h30 da noite no Opera House, e fomos para o Star City, um cassino. Eu estava sem o meu passaporte, e quase não me deixam entrar (sempre leve seu passaporte para o cassino!) Como tudo aqui fecha muito cedo, o restaurante de lá já estava fechado, então ficamos rodando pela cidade, andando na chuva a procura de um restaurante (vários Mc Donalds abertos, mas nada de restaurantes). Acabamos indo pra um restaurante koreano, que foi a unica coisa que achamos aberta (isso era 1h30). Estavam 4 koreanos e eu (obviamente todos falando koreano e eu entendendo bulhufas), então enquanto eles falavam eu fiquei comendo… e comendo!
 
Depois fomos comprar algumas coisas e fomos pro hotel que eles estavam (eles estavam aqui a negócios, trabalham em uma exportadora de açúcar na Korea), ficamos lá comendo mais, e bebendo cerveja koreana. Não gostei, mas quando me perguntaram eu disse que era boa. Como eu não entendia nada q eles falavam, fui dormir. Isso eram quase 4h e acordei as 5h30.
 
Pegamos um taxi até a cidade (o hotel era perto do aeroporto) depois o ferry pra Manly, e cheguei em casa as 7h40. As 8h estava saindo pra vir para escola… será q eu vou dormir nas aulas de hoje?


CURIOSIDADE DO DIA: como ontem tive um jantar koreano, a curiosidade é koreana!
Para beber mais soju, a bebida típica deles, (não sei se isso vale pras outras bebidas) você não pode encher seu próprio copo, alguém tem que encher pra você. E se essa pessoa for mais velha, é preciso segurar o copo com as 2 mãos (como saber quem é mais velho eu não sei). Como eu era a mais nova de ontem, ficou fácil. Pelo menos eu não tinha como me confundir!

The Author

Patricia

Patricia

Patricia é educadora de formação, marketeira de profissão e viajante por paixão. Amante da natureza, de aventuras, da cultura asiática e de causas sociais, reside em São Paulo, mas já morou no Japão, na Austrália e no Chile, já deu uma volta ao mundo e está sempre em busca de boas recordações para adicioná-las à sua bagagem de memórias.

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *