América do SulCartagenaColombiaMundo

Cartagena – o que você precisa saber

Cartagena das Índias, ou apenas Cartagena para os íntimos, é a jóia da Colômbia. Muita história, praias lindas e povo alegre definem a cidade. Ótima gastronomia, diversidade de artesanato para todos os gostos e bolsos, temperaturas altas e um charme a parte com as casinhas ainda do período colonial. Quer mais motivos para se apaixonar por esse cantinho simpático no mar caribenho?

A cidade tem grande importância histórica para os países da América do Sul conquistados pelos espanhóis. Devido à sua localização estratégica, ali ficava o porto que administrava a entrada e saída de mercadorias e escravos no período colonial. Por esse motivo a região se desenvolveu bastante. Muitas construções que hoje são pontos turísticos foram erguidas para proteger a cidade dos ataques piratas constantes.

 

Como chegar

Cartagena fica no norte da Colômbia e os vôos Latam e Avianca fazem conexão em Bogotá, a capital do país. Tem também vôos da Copa Airlines com parada no Panamá. A viagem leva cerca de 7, 8h mais o tempo de conexão.

 

Quando ir

O calor predomina na cidade, seja no verão ou no inverno. É bom evitar os meses de chuva (abril, maio, outubro e novembro), mas isso não garante que seus dias serão ensolarados, porque o clima é bem instável. É possível ter dias bonitos inclusive nos meses considerados chuvosos.

A grande maioria das atrações e passeios são em locais abertos, por isso a chuva atrapalha um pouco. Dias muito quentes também não são confortáveis, pois no meio da tarde o sol castiga (a não ser que esteja na praia, quando ele é sempre muito bem-vindo).

 

Onde ficar

O melhor lugar para se hospedar é dentro da cidade amuralhada, região com o charme colonial e onde você pode fazer muita coisa a pé. Opte pelo centro ou por San Diego, bairros com melhor estrutura. Há opções para todos os gostos e bolsos – hotéis 5 estrelas, hotéis boutique ou hostels.

Outra opção é o bairro Bocagrande, uma área mais moderna, com lojas de grife e mais próximo à praia. É um pouco distante do centro e será preciso caminhar um pouco ou pegar um taxi.

cartagena_san diego
Bairro de San Diego, área central de Cartagena

 

O que fazer

Eu gosto de ter uma noção geral sobre o lugar antes de sair explorando mais cada pedacinho, ainda mais em uma cidade cheia de história e monumentos. Já disse em outros posts que sou super adepta dos free walking tours e adivinha? Tem duas empresas que prestam esse serviço em Cartagena. freetourcartagena.com.co e freewalkingtourcartagena.co .

Esse tour passa pelos principais pontos do centro histórico, como a catedral, Torre del reloj, Parque Bolivar, Monumento a Índia Catalina, igreja e monumento San Pedro Claver, Igreja Santo Domingo, a casa onde morou Gabriel Garcia Marquez, o bairro San Diego e mais. O seu guia irá explicar a história da cidade, seus principais personagens, a importância do porto e como as muralhas e fortes foram construídos para proteção contra os ataques piratas.

Outras opções são o passeio de chiva (um tipo de trenzinho turístico), de carruagem ou de bicicleta.

Para continuar a parte histórica, uma visita ao Castillo San Felipe de Barajas é fundamental. Essa é uma das atrações mais importantes de Cartagena. Fica fora do centro, mas é possível caminhar um pouco até lá (ou pegar um taxi). A entrada é paga e vale fazer uma visita guiada (paga a parte) para entender sua arquitetura construída sempre considerando táticas de defesa.

Está gostando desse artigo? Que tal curtir o Bagagem de Memórias no Facebook?


cartagena_castillo san felipe barajas
Castillo San Felipe de Barajas, uma das principais atrações de Cartagena

Logo atrás fica o monumento a los zapatos viejos (monumento aos sapatos velhos), que homenageia um escritor local. Se você não visitar o castelo, não vale o deslocamento para ver este monumento. Na verdade, não tem nada de mais e o escritor não é muito conhecido.

Ainda falando sobre história, o Museu da Inquisição fica no Parque Bolivar e é dividido em duas partes. Uma, como o nome diz, fala da inquisição e como a igreja utilizou seu poder para controlar e manipular o povo. Pessoas foram torturadas, decapitadas e queimadas vivas. A segunda parte fala sobre as tribos locais e a colonização espanhola. O museu é pequeno, mas bem organizado. A entrada é paga e é possível contratar um guia a parte.

Outro local que vale visitar é o Convento Santa Cruz de la Popa, localizado no ponto mais alto da cidade e por isso oferece uma vista fantástica. Há um pequeno museu no lugar e um jardim simpático. La Popa fica bem afastada do centro, em um lugar sem acesso por transporte público e além da subida ser cruel, a região é perigosa, o que impossibilita ir a pé. A única forma de chegar é de carro (ou com o passeio de chiva), então combine com o taxista o valor da corrida para ida e volta (e certifique-se de que ele vai te esperar na saída).

Faça uma visita ao Café del Mar no fim da tarde. É um bar que fica nas muralhas e tem a melhor vista do por do sol da cidade. Vale procurar uma mesinha e pedir uma cerveja ou ficar mais no cantinho e apenas apreciar a vista.

cartagena_cafe del mar
Café del Mar, o melhor lugar para ver o por do sol em Cartagena

 

Compras

Você logo vai perceber que o artesanato faz parte da atmosfera local. Quadros, roupas, chapéus, bijouterias, bolsas e outras coisas vendidas em todo lugar. Opções para variados gostos e bolsos, do vendedor de rua à boutiques mais charmosas e lojas sofisticadas. Os ambulantes podem ser um pouco insistentes, a ponto de serem desagradáveis, então apenas pergunte ou faça contato visual se tiver interesse. Um bom lugar para ver souvenirs é em Las Bóvedas, uma construção colonial que hoje abriga uma infinidade de lojinhas. Lembre que o lugar é turístico e os preços podem ser mais altos. A negociação de preço já faz parte da cultura local, principalmente com os vendedores informais.

E como estamos falando de compras na Colômbia, não dá para não falar em esmeraldas. O país é um grande produtor da verdinha preciosa, que pode ser encontrada a bons preços se você procurar e negociar. Busque sempre por peças certificadas, para garantir a qualidade.

cartagena_artesanato
Uma pequena amostra do artesanato de Cartagena

Gastronomia

Amantes de frutos do mar, preparem-se para amar Cartagena. Por estar na costa, peixes, camarões, lulas e afins aparecem com abundância nos cardápios. As frutas também estão por todo lado, tanto nas banquinhas de rua e nos vendedores ambulantes quanto como parte dos ingredientes dos restaurantes. O arroz de coco e o patacón (banana amassada e frita) estão presentes em quase todos os pratos típicos.

É possível encontrar restaurantes sofisticados ou comer uma arepa na rua mesmo. Cartagena agrada a todos no quesito gastronomia.

cartagena_gastronomia
Um prato típico: peixe, arroz de coco e patacón

 

Praias

Cartagena ofere opções de praias continentais em Bocagrande e em La Boquilla, porém não são muito bonitas, a areia é escura e a água não é transparente. Se você quer ter aquela sensação de “estou no Mar do Caribe”, vá para as Islas Rosario.

A mais famosa é a Playa Blanca e ali você encontra areia branquinha, água morna e transparente e muitos vendedores. A praia é bonita, mas o assédio dos ambulantes incomoda. Se quiser um pouco mais de tranquilidade, vá para um hotel com praia particular para passar apenas o dia (ou se hospedar, se quiser). Nos dois casos, o acesso é feito por barco.

cartagena_isla rosario
Areia branca e água transparente nas praias da Isla Rosario, em Cartagena

 

Leia mais:

A primeira viagem internacional

10 dicas para passagem aérea barata

Seguro viagem, pra que?

Como economizar durante uma viagem

 

The Author

Patricia

Patricia

Patricia é educadora de formação, marketeira de profissão e viajante por paixão. Amante da natureza, de aventuras, da cultura asiática e de causas sociais, reside em São Paulo, mas já morou no Japão, na Austrália e no Chile, já deu uma volta ao mundo e está sempre em busca de boas recordações para adicioná-las à sua bagagem de memórias.

21 Comments

  1. 29/04/2017 at 19:57 — Responder

    Não imaginava que na Colômbia tinha praia bonita assim ..
    Fiquei bem impressionada com o Castelo também!
    Ótimo post !

    • 02/05/2017 at 17:39 — Responder

      A Colômbia tem praias lindíssimas!!
      Obrigada pela visita! =)

  2. 30/04/2017 at 20:12 — Responder

    Uma cidade que certamente está na minha lista de viagens, a Colômbia é um amor antigo, adoro ir aos cafés e saber mais sobre a cidade!

    • 02/05/2017 at 17:39 — Responder

      Tenho certeza que vc vai adorar Cartagena!

  3. Keul Fortes
    01/05/2017 at 00:06 — Responder

    Muito bom! Tenho muita vontade de conhecer. Que praias lindas esse lugar tem. Parabéns pelo post! =)

    • 02/05/2017 at 17:40 — Responder

      Cartagena tem praias lindas mesmo. Vale muito a pena conhecer!

  4. 01/05/2017 at 15:00 — Responder

    Nunca me interessei muito pela Colômbia. Mas vendo essas praias o coração deu uma balançada…rsrs.

    • 02/05/2017 at 17:40 — Responder

      Como não balançar com a cor dessa água, né?? =]

  5. 01/05/2017 at 15:45 — Responder

    Que sonho, quero tanto conhecer Cartagena! <3 Fiquei babando nesse peixe, amo demais, hahaha.

    • 02/05/2017 at 17:41 — Responder

      A comida de Cartagena é um capítulo a parte. Uma delícia!!!

  6. 02/05/2017 at 10:18 — Responder

    eu me apaixonei pela Colombia em San Andres e desde então quero muuuito conhecer o país inteirooo! acho fantastico tantas cores, alegrias, comidas boas e praias liiindas

    • 02/05/2017 at 17:42 — Responder

      Somos duas com planos de voltar, então!
      Não tive tempo de ir até San Andres e preciso ir para o país de novo.

  7. 02/05/2017 at 13:03 — Responder

    Meodeeeeos, cada foto! Adorei conhecer um pouquinho mais do lugar. Esse Café del Mar me fez pensar em Piratas do Caribe, naquela cena em que a Elizabeth despenca penhasco abaixo porque não consegue respirar. Kkkkk.

    • 02/05/2017 at 17:43 — Responder

      Gente, que memória pra filmes!! E não é que lembra mesmo! hahaha

  8. 02/05/2017 at 19:37 — Responder

    Eu já tinha lido esse post, aiushdaui. Minha prima foi pra Cartagena e eu fiquei babando e pesquisando sobre a viagem também. Achei seu post super informativo e deu muita vontade de ir!

    Beijos, Vickawaii
    http://www.neverland.com.br

  9. 03/05/2017 at 10:49 — Responder

    Cartagena virou febre entre os brasileiros e tenho ensaiado visitá-la. Seu post está muito legal, com dicas que ainda não tinha lido, como a desse bar na muralha, que lugar lindo! Concordo com você que um tour guiado para uma ideia geral da cidade é o ideal, mas às vezes chegamos à cidade num horário em que não tem tour e a gente acaba explorando por conta, não é? abraços

    • 04/05/2017 at 11:19 — Responder

      Cartagena é um lugar muito bacana para conhecer. O clima é bem diferente, tudo muito alegre.
      Explorar por conta é sempre válido, principalmente quando a gente descobre cantinhos que estão fora do roteiro turístico, né?
      Gosto dos tours guiados pela explicação da história, mas nunca dispenso minha caminhada sem rumo pela região.

  10. 08/05/2017 at 08:16 — Responder

    Cartagena deve ser linda demais, Patrícia! Essas suas fotos só me deixaram com mais vontade de conhecer um dia hahaha.
    Esse peixe a la Masterchef também me deixou com água na boca, mas devo confessar que os artesanatos em abundância é que me conquistaram rsrsrs, além das praias lógicos, eu também preferiria uma mais privada.
    Beijos.

    • 08/05/2017 at 10:54 — Responder

      Se vc gosta dos artesanatos, é o seu lugar! Tem muuuuuito!!
      A comida é muito boa, as praias são lindas… tem que ir! =]

  11. Vanessa
    01/05/2018 at 16:36 — Responder

    Pretendo ir em breve pra Cartagena, mas fico com receio em relação vc a violência. Eu moro no Rio e aqui é terrível. Por isso eu gostaria de saber se é tranquilo andar pela cidade principalmente a noite.
    A minha experiência de andar de madrugada nas ruas do Chile foram ótimas e sem problemas, espero que em Cartagena seja igual.

    • 02/05/2018 at 17:34 — Responder

      Vanessa,

      Diria que depende do lugar que vc se hospedar. Eu fiquei no centro e foi tudo muito tranquilo, sempre com muita gente circulando pelas ruas.
      Tem bairros que ficam próximos ao centro que são bons também e vc consegue fazer muita coisa a pé.
      Como todo país da América do Sul, tem regiões que são mais perigosas, mas no geral, não são áreas turísticas.
      Quando for para alguma área mais afastada, opte por pegar um taxi e peça para ele te esperar para a volta.

      Qualquer dúvida, é só falar.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *